Segunda-feira, 31 de Janeiro de 2011

O que eu quero.

Não quero a faca, nem quero o queijo. Quero a fome.

"Adélia Prado"

tags:
publicado por susana às 13:05
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 30 de Janeiro de 2011

Apanhada na curva

Já quase contra a manhã apareceu no nosso quarto e deixei-a ficar connosco. É que tinha que me redimir da minha falha, do meu esquecimento.

- Mãe, não deste o beijo nem fizeste o nó! Disse. E tive que dar a mão à palmatória e pedir-lhe desculpa. 

Deitaram-se sozinhos e combinamos que quando assim é, passo no quarto deles para lhes dar um beijinho e faço um nó no lençol para saberem que passei por lá e que os aconcheguei. E ontem à noite esqueci-me, fiquei no choco a ver televisão até tarde e foi o pai que supervisionou antes de nos deitarmos. É que eles não se esquecem de nada. Têm uma memória de elefante.

 

tags:
publicado por susana às 10:25
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 28 de Janeiro de 2011

Vai uma colher de mel?

.jpg

Isto, ou sopas e descanso. Que a minha voz escafedeu-se, a garganta arranha e o pingo no nariz não para de espreitar.

Agora tenho que ficar quietinha à espera que passe e os miúdos que acham tanta graça, é que assim sem voz não lhes posso grazinar aos ouvidos.

Bom fim de semana.

publicado por susana às 19:14
link do post | comentar | favorito
|

Mais frio mais sol

Apesar do frio anunciado para uma catrefada de lugares, particularmente aqui
para o norte do país e de estar a sentir no pêlo a chegada de uma
constipação valente, não senti nada disso, hoje ao sair de casa.

O vento gélido dos últimos dias deu lugar a um sol radioso. Nem o cachecol
me fez falta e até os pés aqueceram, que mais têm parecido dois blocos de
gelo.

Quando saímos de casa a temperatura não tinha ido ainda, além dos 5ºC mas os
raios de sol e o céu lavado fez-nos crer no contrário.

E gosto de manhas assim, solarengas e animadas, que o nosso espírito vai na
mesma onda e a boa disposição impõe-se e suplanta o cansaço e o sono.
publicado por susana às 13:00
link do post | favorito
|

Melhoras rápidas

Da morte não há muito a dizer, que as há anunciadas é certo, mas apanham-nos sempre de surpresa, vêem pela calada.

Eu tenho medo da morte, penso nela muitas vezes, se é que me posso dirigir assim a esta coisa macabra, mas mais certa que tudo.

Medo da morte, de uma doença e sou um bocado paranóica, do tipo de sofrer por antecipação, seja comigo ou com os outros.

Nestas duas ultimas semanas muito se tem falado de doenças e morte aqui por estas bandas. E daquelas doenças silenciosas que chegam sem avisar e batem à porta daqueles que aos nossos olhos nos parecem as pessoas mais saudáveis que conhecemos.

Amigos, colegas de trabalho, professores, familiares e espero que não seja um mau presságio e que esta onda passe depressa e que aqueles que se encontram doentes melhorem rapidamente, mas rápido mesmo. Que recuperem das enfermidades e que se abra a porta da vida, raiada de sol e de esperança.

 

publicado por susana às 08:09
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 26 de Janeiro de 2011

Fim de semana gastronómico

No fim de semana, alinhamos num jantar diferente e foi assim que conhecemos  "O retiro da Transmontana".

E as batatinhas estavam optimas e a carne, muito macia a saborosa.

Vale a pena alinhar neste tipo de projecto que nos dá a conhecer a gastronomia local a preços bastante acessíveis.

 

publicado por susana às 21:19
link do post | comentar | favorito
|

Toldo vermelho e então?

Não me chateia beber uma garafa de litro e meio de água ou de chá. Nadinha.

O que me irrita é ter que ir à casa de banho vezes sem fim e na alturas mais impróprias. Hoje durante a tarde, em plena viagem de carro, não consegui aguentar e tive que procurar uma casa de banho. E como não conhecia bem o sítio e porque aquilo era uma emergência, qualquer café servia. Não estive propriamente à procura de um salão de chá, onde pudesse comer um scone e acompanhar com um cházinho.

E só tive tempo de estacionar, que a minha bexiga estava quase a rebentar e respirei de alívio quando vi aquele enorme toldo vermelho, que a bem dizer é sinónimo de café.

E aquilo foi numa questão de segundos, que tão depressa me aproximei das vidraças como pus o pé na porta e entrei... no talho. Deu-me uma vontade brutal de me rir, mas era bem capaz de molhar as calcinhas e de me acharem maluquinha. Também não dei o flanco e não perguntei pelo cáfe mais próximo,  perguntei se tinha fiambre de peru.

Alívio, de peru não tinha e eu saí sem perder tempo à procura de um café e entrei num, sem toldo de cor nenhuma. Que raio me ocorreu para associar um café a um toldo vermelho?

Por acaso era um talho, podia ter sido uma Sex Shop e aí pedia o quê?

 

 

 

 

 

 

 

 

tags:
publicado por susana às 20:55
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Lyoncifica o teu nome

lyoncificas-te o teu nome?

Não há como perder a oportunidade de mudar de nome, assim muito mais giro, muito mais original e com direito a música e tudo!

Se queres ser mediático e não gostas do nome que tens, lyoncifica.

 

publicado por susana às 08:40
link do post | comentar | favorito
|

Aonde é que há manteiga boa, onde?

Não é cá em casa. Pelo menos é esta a opinião do mais velho.

Que as torradas sabem bem, mas é com aquelas manteigas os margarinas do café.

Essas é que são gostosas e comer pão com manteiga cá em casa, vai no batalha.

Como está de castigo, ou como eu o quis castigar, pão para a escola só com manteiga, durante toda a semana, desta cá de casa, sem sal, da que ele não gosta, que é o que há.

Se não o quisesse, que oferecesse o pão, que o emoldurasse que eu não me importava.

Na segunda feira não o comeu durante o dia, só quando o fui buscar à escola.

Na Terça feira já o tinha comido no intervalo.

- Afinal já estou a aprender a gostar da tua manteiga! Disse.

Eu chamo-lhe fome, vá, ele com certeza dá-lhe outro nome.

tags:
publicado por susana às 08:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Like a princess

.jpg

-1.jpg

-2.jpg
Esta miúda é muito gira e o vestido que usou na cerimónia dos Globos de Ouro 2011 era lindíssimo.

Adoro este corte de vestido, tal e qual uma princesa, fazer o que?

publicado por susana às 08:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. É possivel

. Pequenos almoços saboroso...

. Palavras da minha infânci...

. Com o pensamento nas féri...

. O nascimento da M

. Devias de ter vergonha!

. Dos profissionais que faz...

. Tanto quilómetro em 2015

. Pedras no caminho

. São Silvestre 2015

.arquivos

. Novembro 2016

. Agosto 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Abril 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds