Quinta-feira, 31 de Dezembro de 2015

Pedras no caminho

IMG_1581.JPG


Lembrei-me que hoje podia trazer mais uma pedra para casa, a juntar a tantas outras, cada uma com o seu significado! Esta apanhei-a já no fim do treino. Simboliza todos os quilómetros feitos ao longo do ano de 2015. Afinal apanhei tantas pedras este ano! Corri o triplo do que corri em 2014, por isso a probabilidade de encontrar pedras no caminho, aumentou consideravelmente. Umas fizeram-me cair, noutras escorreguei, a outras agarrei-me para não me espalhar ao comprido. As pedras simbolizam muito mais do que tudo isto, porque encontrei tantas pedras no meu caminho... Aprendi a desviar-me, a contornar, a saltar. Aprendi a viver com as pedras... Tantas... Se noutras alturas dizia que as guardava para construir um castelo, hoje escolho as que guarda e as que deito fora. Nem todas prestam! E há aquelas que nos iludem e afinal estão soltas. Depois as outras, firmes e fortes, onde me sentei e descansei!
publicado por susana às 17:46
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 29 de Dezembro de 2015

São Silvestre 2015

O Santo Silvestre é bastante aclamado por estes dias. As provas com o seu nome são mais que as mães, e quem tem genica e tempo, corre-as todas.

Sinceramente não acho grande piada, escolho a que me toca ao coração e a carteira também agradeça, pois está claro.

Pelo terceiro ano consecutivo participei na São Silvestre do Porto e mais uma vez, foi uma corrida muito especial, aliás a mais especial de todas.

Em 2013 estreei-me nesta coisa das provas, a primeiríssima de todas foi a Corrida de S. Silvestre. Mal eu sabia que depois dessa, muitas mais viriam.

O ano passado voltou a ser especial, afinal a correr há um ano e ainda não tinha desistido e ainda melhorei o tempo. Boa!

Este ano, Santo Deus, foi melhor ainda.

Muito melhor.

A vida tem-me surpreendido tanto e dado coisas tão boas quee agora sou apelidada lá em casa, de chorona.

E gozam… e gozam… -“Esperem que a mãe já vai começar a chorar outra vez!!!!!”

Pois é, não são só as tristezas que me fazem chorar, tudo me faz chorar, é verdade e não, não estou grávida, mas tenho tudo e tudo à flor da pele.

No Domingo, o meu filho fez a prova comigo. Corremos juntos, os dez quilómetros. Acompanhei-o sempre com o coração nas mãos para que ele se sentisse capaz de terminar.

E vibrou e terminou e eu… chorei.

Ter os amigos na meta e o pai a torcer por nós, era de esperar o quê?

Terminarmos de mãos dadas, às páginas tantas agarrou na minha mão e nos últimos metros puxou por mim!

Deu nisto, choradeira e um orgulho tão grande que não cabe num coração pequeno como o meu.

A vida prega partidas, mas tem-me dado momentos de felicidade pura.

Sempre fui muito chorona, muito emotiva, mas agora sou bem mais. E são realmente as coisas pequeninas que dão o verdadeiro significado a isto a que chamam de vida. É que eu também me questiono muito e há tanta coisinha que eu não entendo, mas acredito que vêm com um propósito.
publicado por susana às 12:28
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Terça-feira, 1 de Dezembro de 2015

Dezembro

Dezembro é sempre especial! É o mês do Natal!  O mês em que a minha filha faz anos!  O mês em que comprei casa! O último mês, que por vezes queremos que chegue depressa para tão depressa partir e fechar o ano, quando não o consideramos positivo.  Dezembro não é o mês de balanço.  Esse já foi em Setembro. Mas com a falta de tantas concretizações,  Dezembro renova a esperança! Com 2015 a terminar, penso só que quero apenas uma coisa de presente: saúde para mim e para os meus...  Ter saúde é  ter tudo e só quando não a temos lhe sentimos a falta....  E infelizmente há tanta coisa que não controlamos, que não basta só querer. Mas não peço mais nada...  A paz e a harmonia, vão chegando, à medida que nos vamos esforçando. Porque depende de nós.... Porque apesar de ser um trabalho nem sempre fácil,  a busca da paz eleva-nos a um outro patamar... 
publicado por susana às 11:31
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. É possivel

. Pequenos almoços saboroso...

. Palavras da minha infânci...

. Com o pensamento nas féri...

. O nascimento da M

. Devias de ter vergonha!

. Dos profissionais que faz...

. Tanto quilómetro em 2015

. Pedras no caminho

. São Silvestre 2015

.arquivos

. Novembro 2016

. Agosto 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Abril 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds