Quinta-feira, 9 de Setembro de 2010

Ora aí está!

Apanhar ar, espairecer e mimarmos o nosso corpo, é o antídoto perfeito.

Estou outra....

publicado por susana às 13:41
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Domingo, 5 de Setembro de 2010

A festa da vida

Qualquer motivo é um bom pretexto, ou qualquer pretexto, é um bom motivo para juntar a família e todos juntos desfrutarem de momentos

de descanso, lazer e muita diversão.

Um fim de semana em família, com muitas brincadeiras e muito calor.

Aproveitei bastante para nadar, passei imenso tempo dentro de água e talvez por isso tenha adormecido de forma fácil na espreguiçadeira, pena ter caído e ter dado espectáculo.

A queda foi pequena, mas eu sou uma senhora e claro não valorizei o sucedido e nem tão pouco olhei em redor, só para não ver, quem se estava a rir de mim.

Enfim, cenas tristes, é o que é, mas valeu a pena a vergonha, só pela sesta, que soube a mel(gaço).

 

 

 

 

 

Que venha o sol o vinho e as flores
Marés, canções de todas as cores
Guerras esquecidas por amores;

Que venham já trazendo abraços
Vistam sorrisos de palhaços
Esqueçam tristezas e cansaços;

Que tragam todos os festejos
E ninguém se esqueça de beijos
Que tragam pendas de alegria
E a festa dure até ser dia;

Que não se privem nas despesas
Afastem todas as tristezas
Pão vinho e rosas sobre as mesas;
Que tragam cobertores ou mantas
E o vinho escorra p'las gargantas
E a festa dure até às tantas;

Que venham todos de vontade
Sem se lembrarem de saudade
Venham os novos e os velhos
Mas que nenhum me dê conselhos!

Que venham todos de vontade
Sem se lembrarem de saudade
Venham os novos e os velhos
Mas que nenhum me dê conselhos!

 

Festival da canção de 1972 (diga-se um ano de uma óoooooptima colheita)

 

publicado por susana às 23:50
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 20 de Agosto de 2010

A massagem

Uma novata nestas coisas, quase a roçar a desgraçada.

Pela segunda vez na vida, fiz uma massagem e esta teve que ser paga, que a primeira, essa, foi um presente, no Hotel Ritz, com muita pompa e circunstância, com direito a massagens nos pés, com mel e açúcar mascavado.

Um dia inesquecível, lá está...

Não estou habituada a estas coisas e depois tenho que fazer um esforço enorme para conter o entusiasmo e a admiração, a pender assim para o saloio.

Desta vez não foi muito diferente e depois da marcação das massagens, combinamos, a pedido meu, partilhar a experiência, só no final.

- Olá, é a esposa do Sr. Fernando? Entre e coloque-se à vontade. Disse-me o massagista, "O" massagista!

E percebi que o meu gajo, pelo sim, pelo não, deu a indicação, de que a cliente que ia entrar a seguir era a mulher do Sr. Fernando! 

- Dispa-se, por favor e retire também a parte superior do bikini, palavras que me deixaram de imediato, num nervoso miudinho, que aos poucos se foi dissipando por entre a música, os cheiros, pelas velas acesas, colocadas chão a fora e pelas mãos escorregadias a deslizar pelo meu corpo, entre a força dos movimentos e o vigor do toque.

O moreno confessou que adormeceu, mas eu não consegui, que a expectativa andou sempre mais depressa que a descontracção.

De barriga para cima, começou pelo pescoço, depois os braços e finalmente as pernas.

A toalha vermelha escondia o meu corpo e apenas era levantada nos locais a massajar.

As massagens nos ombros e nos pés, foram sublimes.

Uma massagem de hidratação corporal, que durou pouco mais de meia hora, mas que ainda promoveu a dilatação das pupilas quando a toalha desceu, para que a barriga e o peito, não os seios, fossem massajados.

A pudicazinha acalmou e deixou-se levar pelo momento.

publicado por susana às 07:11
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 18 de Agosto de 2010

Qual será?

foto.jpg
Uma delas há-de ser!

publicado por susana às 14:23
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Ora aí está!

. A festa da vida

. A massagem

. Qual será?

.arquivos

. Novembro 2016

. Agosto 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Abril 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds