Segunda-feira, 21 de Dezembro de 2009

Carta ao Pai Natal

Querido Pai Natal, estamos a poucos dias de nos reencontrarmos, mas o propósito desta carta nada tem a ver com qualquer pedido.

Não me lembro da última vez que te escrevi e mesmo depois da última carta que recebes-te, muitos pedidos te fiz.

Lembro-me de não serem pedidos fora do comum, se bem que o meu maior pedido, e aquele que repetia praticamente todos os anos, nunca era satisfeito.

Lembras-te de me ouvir baixinho, quando me deitava?

Recordas-te de tantas vezes te ter pedido que juntasses a família, naquela noite tão especial?

Era um desejo tão fervoroso....

Nem por isso deixei de acreditar em ti.

Os anos foram passando e lembro-me de ajudar a minha mãe para que o meu irmão não se apercebesse que estavas a entrar em casa.

Ele não te via, mas sabia que tinhas sido tu a deixar os presentes na cozinha, em cima do fogão.

Ainda me lembro do medo estampado na carinha dele, quando fazias tanto barulho a entrar em casa.

Pela minha mão lá íamos os dois bem devagarinho, à cozinha.

Aquela noite resumia-se áquele momento e pouco mais porque a família não estava completa. O meu pai não estava connosco e tanto te pedi.

Nem por isso deixei de acreditar em ti.

Ainda hoje acredito e é por isso que a Noite de Natal me deixa tão feliz.

Quem eu quero ao pé, agora está!

Estamos todos juntos.

Não te peço nada, por mais que haja sempre alguma coisa que gostasse de ter.

Peço-te apenas que deixes perdurar, ano após ano, o Natal como é agora.

Já que tarde concretizas-te o meu pedido, não deixes que ninguém falte na Noite da Consoada.

Os meus filhos acreditam em ti.

É pelas mãos do meu pai, vestido como tu, que eles recebem os presentes.

É por isso que a noite de Natal, ano após ano, é cada vez mais mágica.

Feliz Natal para ti, pai!

   

sinto-me: iluminada
publicado por susana às 18:36
link do post | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Caminhos

. Insónias

. Saudades e pipocas

. Girassóis

. Sunset

. Exercitar a mente

. Contemplação

. Taxa de álcool no sangue!...

. Vou ou não?

. A velhice é do caraças

.arquivos

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2016

. Agosto 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Abril 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds